A Laird anunciou a abertura de uma fábrica em Santo Antônio de Posse. Foto: Divulgação.

A Laird anunciou nesta quarta-feira, 17, a abertura de uma fábrica em Santo Antônio de Posse, a 150km da capital paulista. O local conta com investimento de aproximadamente R$ 20 milhões.

A planta de 3,4 mil metros quadrados produzirá componentes eletrônicos destinados a aplicações de Internet das Coisas (IOT, na sigla em inglês) para indústrias automotivas, telecomunicações, mineração e construção. 

"Com a previsão de termos mais de 250 milhões de carros conectados rodando nos próximos cinco anos, a conectividade contínua e sem interrupções para os passageiros e seus veículos, além da melhor infraestrutura rodoviária, está se tornando o padrão esperado", afirma David Lockwood, diretor executivo da Laird. 

A unidade fabril em São Paulo é a primeira da companhia na América do Sul. Hoje, o local conta com 35 funcionários em tempo integral.

A nova fábrica segue o plano da Laird de crescer no segmento de IOT. Recentemente a companhia adquiriu a alemã Novero, uma fornecedor de sistemas de conectividade veícular integrada .

Segundo Lockwood, a construção da nova unidade em Santo Antonio de Posse está relacionada à aquisição da Novero.

"As duas ações reúnem capacidades complementares e excelentes tecnologias, fornecendo soluções completas de conectividade para veículos e criando uma posição única no mercado de carros conectados. O movimento também traz isso para mais perto de nossos clientes da América do Sul”, complata.

Além de servir à indústria automóvel, a nova planta também apoiará a produção de controles remotos sem fio para equipamentos industriais.

A Laird é uma empresa global de tecnologia focada no fornecimento de sistemas, componentes e soluções que protegem eletrônicos de interferência eletromagnética e calor. A companhia emprega 9 mil pessoas em mais de 50 instalações localizadas em 19 países.