Mercado de provedores é o alvo. Foto: .flickr.com/photos/firas1/

A Cianet e a Intelbras, duas das maiores empresas do setor de telecomunicações de Santa Catarina, fecharam um acordo para ofertar soluções em redes wireless outdoor com foco nas empresas provedoras de internet banda larga. 

Por meio do negócio, a  Cianet irá integrar produtos da Intelbras, especializada em equipamentos telecomunicações com foco maior em consumidor final, em suas soluções de infraestrutura de banda larga, televisão e voz para provedores de internet.

“Acreditamos que é uma grande oportunidade para ambas as empresas alavancarem seus negócios”, destaca Altair Silvestri, presidente da Intelbras, sem dar maiores detalhes sobre as metas comerciais.

A parceria teve início em outubro com a comercialização pela Cianet de equipamentos de redes outdoor da Intelbras.

O número de provedores cresce 20% ao ano e um percentual importante destas empresas, segundo João Francisco dos Santos, presidente da Cianet, utiliza como produto de entrada a tecnologia de rádio. 

“A linha de redes outdoor da Intelbras irá complementar o portfólio da Cianet para atender esta fatia de mercado”, completa Santos.

Hoje no Brasil existem cerca de 4 mil provedores de Internet, dos quais 80% são pequenas e médias empresas, as quais já respondem por 9% dos 20 milhões de pontos de acesso no país. A conta não inclui as grandes operadoras de telefonia e TV por assinatura, que também oferecem banda larga.

Somente no ano passado, essas pequenas empresas aumentaram sua base de clientes em 33%, um ritmo duas vezes mais forte do que os 16% do segmento como um todo, segundo dados da Anatel. 

Segundo dados da Associação Brasileira de Provedores de Internet e Telecomunicações (Abrint), os cerca de 3,2 mil pequenos e médios provedores faturam de R$ 720 mil a R$ 7,2 milhões por ano, um mercado potencialmente interessado em uma oferta mais econômica.

Fundada em 1976, a Intelbras conta com mais de nove mil pontos de venda para varejo e seis mil revendedores corporativos, além de exportar para América Latina, África e Oriente Médio.

A empresa tem 1,8 mil colaboradores distribuídos em quatro parques fabris (dois em Santa Catarina, um no Amazonas e um em Minas Gerais).

Já Cianet é  de Florianópolis cresceu 75% em 2012, faturando R$ 21 milhões. A meta para este ano é crescer 60% e chegar a R$ 33,6 milhões. A empresa tem 80 colaboradores e mais de 1,8 mil clientes em todo o Brasil.