Farmácias São João reforça rede. Foto: divulgação.

A Farmácias São João, rede de lojas com cerca de 341 lojas no Rio Grande do Sul e Santa Catarina, refez a sua estrutura de servidores, em projeto realizado junto com a Atua Sistemas de Informação, de Passo Fundo.

A implantação, iniciada em outubro de 2013, foi realizada com o objetivo de sustentar seus sistemas conectados à internet, evitando quedas em seu sistema, para que as vendas não sejam prejudicadas quando o provedor principal da internet está sem comunicação.

Segundo equipe de TI da São João, a solução com o novo servidor já foi instalado em 198 lojas, em um projeto contínuo nas filiais até que todas sejam cobertas pelo novo sistema.

Nas farmácias da rede São João está instalado um servidor Linux com um banco de dados local. Dessa forma, quando a internet não está funcionando as vendas com pagamento em dinheiro não ficam prejudicadas.

Entretanto, o problema estava nas vendas com cartões, que não ocorriam quando a internet caía. Com a solução da Atua para gerenciar os links, a demanda está sendo atendida sem a necessidade de investimentos em novos equipamentos.

Para garantir a segurança na comunicação, todo tráfego é criptografado através da utilização de VPN (Virtual Private Network). A abertura e o fechamento das conexões são automáticos e, além disso, todo processo de troca de links é comunicado por e-mail à central de TI da São João e também da Atua.

Outra solução implantada na São João é o RAID (espelhamento de disco). A replicação faz com que os dois discos dos servidores das farmácias possuam exatamente o mesmo conteúdo, tornando um a cópia idêntica do outro.

Caso ocorra algum problema com um dos discos é enviado um e-mail à central de TI para que seja providenciada a troca, enquanto o espelho assume seu lugar. Os servidores gerados pela solução da Atua já saem com o RAID configurado e monitorado, independente do modelo ou fabricante do servidor a ser instalado.

O projeto também contemplou a implementação do Zabbix, ferramenta que monitora a performance de processamento, memória, RAID, queda ou indisponibilidade de links e temperatura dos servidores.

Um novo painel de monitoramento está sendo criado para que o Helpdesk tenha uma melhor visualização dos incidentes, e neste projeto a equipe poderá ser avisada também via WhatsApp do que está ocorrendo.

Também em implantação, está o uso de uma terceira contingência de links, através de placas 3G e operando em conjunto com as formas anteriores, para quem em hipótese alguma a farmácia fique sem conexão com a internet.