VOLTA

Qyon faz primeira compra

17/08/2020 09:33

Nova empresa do fundador da Folhamatic adquire empresa de tecnologia fiscal.

Renato Forti e Marco Paulo de Castro.

Tamanho da fonte: -A+A

A Qyon, nova empresa de sistemas de gestão do fundador da Folhamatic, Maurício Frizzarin, acaba de realizar a primeira compra depois do anúncio de criação da companhia.

A adquirida é a Dokfile, uma companhia com 10 anos de atuação no segmento de gerenciamento de documentos fiscais. Não foi aberto o valor do negócio.

A Dokfile foi fundada em 2009, ainda na primeira fase do projeto de implementação da digitalização das obrigações fiscais no Brasil, iniciada em 2005.

O fundador é Renato Forti, que começou a empresa enquanto ainda estudava Engenharia de Software no prestigiado Instituto Tecnológico de Aeronáutica, o ITA.

Forti, que contava com experiências breves como dseenvolvedor na CPqD, Motorola e Trinity Systems, parece ter criado a Dokfile quase sozinho.

Ele é o único funcionário da empresa com perfil no LinkedIn, onde consta como gerente de projetos de TI da empresa.

Forti agora passa a exercer o cargo de líder de desenvolvimento da Qyon.

No seu site, a Dokfile afirma ter 1 mil clientes, e fala em cases em clientes como Hyundai Glovis, uma subsidiária da gigante coreana, e Grupo Valverde, além da Skechers, uma marca internacional de calçados.

A companhia desenvolveu uma tecnologia de importação automática de documentos fiscais eletrônicos como NF-e, CT-e, NFS-e em secretarias estaduais da fazenda e prefeituras. 

“Com essa aquisição, os usuários do Qyon XML passam a ter em seu sistema tecnologias originárias da Dokfile, o que permite aos seus clientes evitarem multas, ter maior controle dos impostos, além de detectar notas fiscais falsas”, afirma Forti.

Tecnologia fiscal é um dos focos da Qyon, junto com sistema de gestão para micro e pequenas empresas, com entrada em médias em algumas linhas de produtos, voltadas para controle de ponto, segurança no trabalho e obrigações fiscais.

A empresa foi fundada por Maurício Frizzarin, empresário que fundou a Folhamatic com 17 anos em 1990 e vendeu a empresa para a gigante inglesa Sage em 32 anos depois por quase R$ 400 milhões.

A nova empresa atua em um mercado similar ao que a Folhamatic atua, com um novo produto e planos ambiciosos, que incluem um investimento de R$ 100 milhões no Brasil até 2021.

Quando da divulgação da abertura da Qyon, a empresa disse que já estava analisando a compra de “pelo menos” mais três empresas no Brasil e uma na Califórnia.

A empresa deve funcionar no modelo de franquias, que já existem em um número “considerável” ao qual devem ser agregados 30 “nos próximos meses”. A meta de chegar 100 está no curto prazo.

O diretor comercial da nova empresa é Marco Paulo de Castro, que já havia sido gerente comercial na Folhamatic e era gerente de canais estratégicos dentro da Sage até março.

Veja também

PIVOTOU
Omie: corte e virada de rumo

Companhia de ERP na nuvem corta um terço do time e agora foca em clientes maiores.

ELEVE
Totvs ataca mercado de startups de ERP

Nova oferta da gigante parece focada em competir com Omie, ContaAzul e Contabilizei.

ESCALAÇÃO
Peigo monta seu time na Scala

Dos sete contratados para a nova temporada, cinco são ex-colegas da Solvo e da UOL Diveo.

BRASÍLIA
Serpro troca de presidente

Caio Andrade vai para secretaria, diretor jurídico assume presidência.

ERP
Widepartner compra Cora

Portugueses compram parceria da Sage no Brasil de olho no mercado X3.

VOLTA
Fundador da Folhamatic tem nova empresa

Maurício Frizzarin projeta investir R$ 100 milhões até o final de 2021.

APOSTA
Logicalis compra 30% de startup de nuvem

Kumulus foi fundada em 2017. Companhias no nicho são disputadas há tempo.

DINHEIRO
IBM avança com cloud para bancos

Tendência vem ganhando força no exterior, mas ainda engatinha no Brasil.

NORDESTE
Qintess abre unidade em Fortaleza

Serão 200 vagas para profissionais de TI e suporte na capital cearense.

CARREIRA
Oracle tem nova COO no Brasil

Marcelle Paiva, ex-SAP e TOTVS, era diretora de marketing da empresa para a América Latina.

PRODUTOS
Peralles, ex-Zup, vai para a Sage

Profissional deve modernizar produtos adquiridos pela multinacional no país.