O ingresso das startups catarinenses na ABStartups será feito via Acate. Foto: Flickr.com/55953988@N00.

A Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (Acate) e a Associação Brasileira de Startups (ABStartups) formalizaram uma parceria para fortalecer o apoio às empresas nascentes  no estado. 

A partir de agora, o ingresso das startups catarinenses na ABStartups será feito via associação à Acate.

Um dos principais compromissos da entidade catarinense com a nacional é recrutar participantes para a Conferência Anual de Startups e Empreendedorismo (CASE 2016), que ocorre no mês de novembro em São Paulo.

Segundo o TISC, as startups catarinenses que tiverem interesse em integrar a ACATE e a ABStartups podem contar com incentivos como isenção de mensalidade por dois anos, capacitações, linhas de financiamento, entre outros. 

Em 2015, o setor de tecnologia de Santa Catarina cresceu 15%, segundo estimativa da Acate. Na visão da associação, o resultado positivo foi puxado pelo alto crescimento de setores como SaaS, computação em nuvem, marketing digital, big data, fintechs e inovações nas áreas de saúde e agronegócios.

Fundada em 1986, a Acate conta com 850 empresas associadas. Atualmente integram a área de TI catarinense 2,5 mil empresas, que faturam mais de R$ 4 bilhões e empregam 50 mil pessoas.