CHEGOU

Claro lança o 4G no Brasil

14/12/2012 08:16

Carlos Zenteno. Foto: Flickr.com/conexaominicom

Tamanho da fonte: -A+A

A Claro acaba de fazer o primeiro lançamento de oferta de tecnologia 4G no Brasil.

A operadora começou a vender aparelhos e modem com o chip 4G Max no Recife, Campos do Jordão, Paraty e Búzios.

Conforme declarou o presidente da operadora, Carlos Zenteno, ao Valor Econômico, o investimento na primeira fase de implantação do padrão 4G no país será de R$ 510 milhões, destinados à instalação de infraestrutura nas cidades que sediarão jogos da Copa das Confederações, o que inclui  Fortaleza, Salvador, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Brasília, além do Recife.

Até dezembro de 2013, a operadora planeja lançar 4G nas demais capitais e em cidades que sediarão os jogos da Copa de 2014, totalizando investimento de R$ 6,3 bilhões, incluindo gastos com ampliação de redes de transmissão, lojas próprias, instalação de antenas para oferta de 4G, entre outros.

A oferta de 4G inicia com capacidade de 5Mhz + 5Mhz e, gradativamente, com a liberação do espectro, atingirá a faixa de 20Mhz + 20Mhz, totalizando os 40Mhz de capacidade adquiridos pela Claro no leilão realizado pela Anatel em junho.

A capacidade total é o dobro da frequência hoje disponível no mercado brasileiro.

Os primeiros aparelhos com 4G da Claro nas lojas serão Motorola Razr HD, Samsung Galaxy SIII 4G e modem Huawei E392. A

“A tecnologia 4GMax estará disponível nas cidades-sede da Copa das Confederações até abril de 2013. As demais cidades seguirão o cronograma da Anatel”, afirma comunicado da Claro.

O presidente da operadora destaca que o Recife foi escolhido por ficar localizado em uma região que ele considera de condições técnicas  favoráveis.

“Toda a população de Recife, com mais de 1.548 milhão de habitantes, possui cobertura 3G da Claro. O estado de Pernambuco tem 93% da população urbana coberta pela operadora”, comenta o presidente.

Com o 4G, a meta da companhia é ampliar o uso da Internet móvel no país, plano iniciado em julho, quando a empresa anunciou a antecipação do investimento de R$ 6,3 bilhões em infraestrutura e tecnologia que será aplicado até o final de 2014 no país.   

Como planos da tecnologia 4G Max, a operadora aposta na ampliação das vendas de smartphones e tablets, que hoje representam 50% da comercialização da operadora nacionalmente.

A nova tecnologia está disponível em pacotes e planos acima de 5GB.

Dos aparelhos disponíveis, o Motorola RAZR HD sai por R$ 649, e o Samsung Galaxy SIII 4G, sai por R$ 999, ambos no Claro Ilimitado 200 4G.

Já o modem Huawei E392 sai por R$ 320 no Plano Claro Internet 5GB.

Veja também

CLARO
4G em Campos do Jordão, Búzios e Parati

A banda estará disponível apenas para modems Huawei e aparelhos Motorola, estes em modelo a ser lançado mundialmente só em setembro.

Claro, NET e Embratel oficializam oferta conjunta

Claro, Net e Embratel anunciaram nesta qarta-feira, 05, um pacote de ofertas convergentes de TV por assinatura em alta definição, vídeo sob demanda, banda larga fixa e wireless, telefone fixo e celular, por preços que variam de R$ 399,90 e R$ 699,90.

Os serviços conjuntos chegam ao mercado a partir do sábado, 15, e resultam de uma integração tecnológica que as companhias já vêm tratando há cerca de três anos.

Claro: pressa na integração Embratel/Net

A Claro planeja acelerar o processo de integração tecnológica com a Embratel e a Net, nas quais a América Móvil, grupo controlador da operadora, também tem participação.

Segundo o jornal Valor Econômico dessa terça-feira, 13, o presidente da empresa, Carlos Zenteno, disse que parte do aporte para o Brasil até 2012, de R$ 10 bilhões, já é aplicado a esse fim.

EXALOGIC
Claro na nuvem elástica da Oracle

Solução substituiu estrutura que mantinha principal aplicativo de VAS da operadora, responsável pela comunicação entre áreas de TI, engenharia e parceiros.

R$ 2,8 BILHÕES EM 2012
Claro investe em 4G e video on demand

Empresa pretende gastar R$ 6,3 bilhões em 4G e lançará serviço para rivalizar com o Netflix.

HISTÓRIAS DE HORROR
Bolão da Claro: todo mundo errou

Nenhum leitor acertou quantos dias a operadora ia demorar para habilitar o celular de Gerson Leonini porque apostaram dias de menos. Surpreendente.