Blue Tree vai de Wi-Fi Ruckus. Foto: divulgação.

A Ruckus Wireless anunciou nesta terça-feira, 14, um acordo com a rede de hotéis Blue Tree, propriedade de Chieko Aoki Management Company, para a implementação de uma nova rede Smart Wi-Fi em 14 de seus hotéis em todo o Brasil.

Com o projeto, a rede de hotéis adotou pontos de acesso Ruckus ZoneFlex R300 de banda dupla 2.4GHz e 5GHz simultâneos (EPA), gerenciados centralmente com Ruckus ZoneDirector 1100 e ZoneDirector 3000 Series wireless LAN (WLAN).

Além disso, cabeamentos dedicados foram instalados em cada unidade (fibra óptica ou CAT6), além da adoção de um novo sistema de software de gerenciamento de acesso, integrado com os controladores ZoneDirector, para ajudar a gerenciar a rede geral.

"Fizemos uma pesquisa de mercado para identificar soluções que possam atender as nossas necessidades, não só no curto prazo, mas também para estar preparados para o aumento da demanda Wi-Fi dos hóspedes", disse Eloir Cortes, gerente de TI da Blue Tree Hotels. O valor do contrato não foi aberto.

Com a implementação da tecnologia Smart Wi-Fi, a Blue Tree Hotels notou que a quantidade de suporte de TI necessária para operar a nova rede diminuiu para praticamente zero, o que contribuiu significativamente para a qualidade geral do serviço.

Especializada em tecnologias de pontos de acesso, a Ruckus vem fechando contratos com redes de hotéis para implentar suas soluções. No ano passado a empresa firmou contrato com a Accor, dona das marcas bis, Ibis budget, Mercure, Novotel, Pullman e Sofitel, colocando Smart Wi-Fi em 100 de seus hotéis em sete países da América Latina.

Outra cliente é a InterCity, rede hoteleira com 22 unidades no Brasil e no Uruguai, implantou a rede Wi-Fi em 13 de seus hotéis.

Segundo uma pesquisa realizada pelo site de busca de hospedagem Kayak, 96% dos hotéis brasileiros oferecem wi-fi gratuito para os visitantes. O levantamento avaliou mais de 10 mil hotéis no país.

O estudo apontou que a médial mundial é mais baixa do que a brasileira. Dos 500 mil hotéis analisados, 90% contam com internet móvel sem custo.

O Brasil ocupa a 19ª colocação da lista, e supera países como Alemanha (73%), Portugal (90%), Itália (90%), Estados Unidos (93%) e França (94%).  A pesquisa não verificou, no entanto, a qualidade da conexão oferecida.