Tushar Parikh, Country Head da TCS Brasil. Foto: Divulgação.

A Tata Consultancy Services, gigante indiana de TI, assinou um termo de parceria com a Secretaria de Educação do Governo do Estado de São Paulo. A iniciativa vai levar o goIT, programa da TCS para capacitação de alunos e professores, a estudantes e profissionais dos ensinos fundamental e médio. 

O programa vai acontecer, inicialmente, em duas diretorias regionais da cidade – diretoria regional de ensino Norte 1 e Leste 2 – que terão seus quase 4 mil professores capacitados por profissionais da TCS para repassar o conteúdo para os 92 mil alunos de cada uma delas. 

As qualificações seguirão um cronograma para abordar temas como tendências de tecnologia, internet das coisas, mecanismos de aprendizagem fora da escola, tecnologia para sala de aula, entre outros. 

“Acreditamos que por meio da educação é possível transformar vidas. E é isso que estamos buscando com essa iniciativa: dar oportunidades e ajudar alunos da rede pública a conquistar seu espaço no mercado de trabalho. Essa iniciativa é parte de um projeto muito maior voltado para educação no Brasil”, analisa Tushar Parikh, Country Head da TCS Brasil. 

Duas escolas das diretorias selecionadas também receberão edições especiais do goIT - o colégio Augusto Ribeiro de Carvalho, localizado no bairro de Nossa Senhora do Ó, na zona norte; e a escola Dom Pedro I, localizada em São Miguel Paulista, zona leste da cidade. 

Nos dois casos, os alunos terão acesso a uma plataforma de ensino virtual da TCS, o Campus Commune, e encontros periódicos com especialistas, que irão ministrar conteúdos, tirar dúvidas e auxiliar na construção do projeto final: a criação de um aplicativo com foco no comércio da região onde vivem. 

“O mundo hoje precisa de empreendedores, criadores e pessoas polivalentes. Por isso é que surge a urgência de oferecer aulas diferenciadas aos jovens, que atraiam essa infância e juventude plugada nas redes sociais e com circuitaria neuronal inteiramente digital”, pontua o secretário da Educação do Governo do Estado de São Paulo, José Renato Nalini.  

A TCS obteve um dos seus melhores desempenhos globais na América Latina no ano fiscal 2017, encerrado em 31 de março, crescendo 14,1% para atingir um faturamento de US$ 369 milhões.

O resultado foi o segundo melhor entre os chamados “mercados emergentes” da empresa, só atrás do Oriente Médio e África, que cresceram 14,8%. A média global  foi de 6,2%, para US$ 17,58 bilhões.