Linha fixa agora nos dispositivos móveis. Foto: divulgação.

A GVT apresentou nesta quinta-feira, 13, o lançamento de um serviço chamado Freedom, que oferece uma espécie de "extensão" da linha fixa do assinante para um app no smartphone ou tablet.

Pelo app, os clientes de telefonia fixa podem receber chamadas de seu telefone fixo em seus dispositivos móveis com o app, usando uma conexão à web.

Com o GVT Freedom, o consumidor pode utilizar a franquia de minutos mensal da sua linha fixa quando não está no endereço onde está fisicamente instalada, além de atender ligações dirigidas ao seu número fixo fora de casa ou escritório.

O lote inicial de licenças para a primeira versão do aplicativo está disponível para download sem custo para clientes de telefonia fixa e banda larga da GVT nas lojas Google Play e Apple Store.

“É uma maneira completamente nova de usar a telefonia fixa que gera valor para o consumidor e significa a quebra de paradigma numa indústria com mais de 100 anos no Brasil”, afirma o vice-presidente de Marketing e Vendas da GVT, Daniel Neiva.

De acordo com dados da última Pesquisa Nacional por Amostras de Domicílios (Pnad) do IBGE, 51,4% dos domicílios brasileiros já não têm telefone fixo e a receita das operadoras neste segmento de negócio está caindo em média 5% ao ano segundo relatórios da consultoria Frost&Sullivan.

“Com o tempo, as pessoas vão perceber a vantagem de ter a “extensão” da linha fixa disponível em qualquer ponto com internet e acessar o número fixo remotamente passará a ser um hábito”, acrescenta Neiva.

A tecnologia para o GVT Freedom é uma rede baseada em fibra óptica desenhada para a convergência entre voz, dados e vídeo. As centrais principais da GVT seguem a arquitetura baseada em IMS (Internet Protocol Multimedia Subsystem) que transforma todos os sinais transmitidos em IP, possibilitando a integração entre serviços de telefonia, TV e internet em diferentes dispositivos.

Essa integração já permite oferecer serviços inovadores como a visualização das chamadas telefônicas em televisões ligadas ao serviço de TV a cabo da operadora, por exemplo.