App quer quebrar o gelo. Foto: flickr.com/photos/21334906@N08

Que tal geolocalizar pessoas solteiras antes de decidir onde sair de noite? Talvez não seja a melhor ideia para esta quarta-feira, 12, Dia dos Namorados, quando o mundo está tomado de casais apaixonados, mas pode ser um bom plano para as outras noites do ano.

É a aposta da Single Company, uma empresa de Porto Alegre que criou um app disponível na App Store e Google Market que permite saber onde andam os usuários em um determinado momento.

Para entrar na rede, basta preencher um breve cadastro composto de nome, idade, sexo e preferência por homens ou mulheres. Os usuários podem se reconhecer por meio de pulseiras de silicone, vendidas do site da empresa por R$ 65.

O app, criado pela agência digital ADD Digital, não exibe maiores informações de perfil, ou proporciona contatos dos participantes, uma maneira de preservar a privacidade dos integrantes e fomentar encontros presenciais em detrimento de relacionamento virtual.

“O objetivo principal é aproximar as pessoas, quebrar a barreira do contato inicial. O que surja a partir daí é lucro”, explica Zeli Fraga, criadora da Single Company.

A empresária divorciada do ramo de logística que afirma ter tido a inspiração para criar a ideia durante uma janta com uma amiga em Canela. “É difícil para mulheres na faixa dos 50 conhecer homens solteiros”, resume Zeli.

Entre os próximos passos da Single Company estão a promoção de eventos para usuários em bares da moda de Porto Alegre como o Dublin e Nova Iorque. Hoje, já baixaram o app cerca de 3 mil pessoas, um terço delas no Rio Grande do Sul e maioria entre 30 e 40 anos.

Confirmando a percepção de Zeli, não é fácil encontrar homens solteiros: as mulheres totalizam 58% dos clientes até agora.