Avon e HPE anuncia projeto conjunto. Foto: divulgação/Avon.

A Hewlett Packard Enterprise (HPE) firmou um acordo com a Avon, multinacional do segmento de cosméticos, para reformular sua estrutura de TI com recursos de nuvem híbrida.

Com a pareria, as empresas trabalharão em conjunto para padronizar processos em um framework integrado da HPE e montar um centro de operações de segurança dentro das instalações da HPE, que fornecerão serviços de monitoramento e automação de dados de rede.

O acordo também prevê a criação de um service desk global com ferramentas de autoatendimento, suporte remoto e análise de dados para aprimorar a experiência do usuário final.

Por fim, a HPE implementará na Avon soluções para monitorar e automatizar serviços de gerenciamento de servidores distribuídos, incluindo HPE Operations Manager, HPE Operations Orchestration e HPE Server Automation.

Conforme destacaram em nota à imprensa, a HPE usará as soluções para identificar as eficiências de custo e fornecer ferramentas e processos para a Avon operar com mais consistência, permitindo que a Avon se ajuste e se adapte rapidamente às demandas de negócios.

“Acreditamos que a HPE é o parceiro global certo para nos ajudar a oferecer a melhor experiência para nossos usuários finais atualmente e no futuro. Essa parceria também nos permite acelerar nossa estratégia de crescimento em áreas como a digital, onde é essencial ter uma infraestrutura sólida de TI”, afirmou Sue Liddie, CIO da Avon.

A manobra da Avon vem em uma época difícil para a marca, que teve tempos de glória e hoje passa por uma crise em seus negócios. Somente em 2015, a empresa registrou uma queda de 60% no valor de suas ações.

Com uma receita anual de US$ 9 bilhões anuais, a empresa vem sofrendo de cortes significativos em suas margens de lucro. Segundo o The Economist, o Brasil, um dos principais mercados da marca no mundo, é um exemplo, com custos elevados e baixo retorno.

Atualmente, a Avon opera em 60 países, com a América Latina compondo a maior parte de sua receita.

O foco em nuvem não é uma estratégia somente da Avon para melhorar suas operações e reduzir custos. A rival Natura anunciou no ano passado o projeto para implantar a solução Master Data Management, da Informatica, para o desenvolvimento da nova plataforma de e-commerce Rede Natura.

A plataforma de e-commerce usará o apoio do MDM para coletar, agregar, combinar e consolidar os dados de consumidores, vendas e parte operacional, ficando por trás de toda a estrutura de CRM da companhia.