Foto: flickr.com/photos/ilamont

Apesar do sucesso das plataformas iOS (Apple) e Android (Google), o BlackBerry é a preferência em 47% das empresas no Brasil, segundo pesquisa da IDC.

O estudo ouviu mais de 1.000 empresas de grande porte (com mais de 250 empregados) na América Latina. Além do Brasil, foram ouvidas companhias da Argentina, Chile, Colômbia, México, Peru e Venezuela.

Na região, a plataforma BlackBerry ficou com 65,4% de penetração no mercado corporativo.

Segundo a analista da IDC, Célia Sarauza, o BlackBerry lidera no setor corporativo do Brasil porque oferece segurança embutida: “segurança é um fator de decisão importante”, comenta.

Além da penetração de smartphones nas empresas por país, o estudo também apontou que, das empresas entrevistadas, 66% investiram preferentemente em smartphones para suas atividades corporativas.

Outras 27% preferem fazer uso conjunto de smartphone e tablet, enquanto apenas 7% preferem os tablets.

Apesar das projeções da IDC apontarem que, em 2016, as vendas de tablets ultrapassem as de smartphones, a própria IDC pondera que isso não significa que esta inversão acontecerá nas empresas.

O sucesso no Brasil não se reflete no mundo.

De acordo com dados do instituto Gartner, a RIM teve retração de 6,45% na sua participação de mercado entre 2010 e 2011, caindo para 2,9% de share nas vendas mundiais de smartphones.

Enquanto isso, na carona da consumerização e das políticas de BYOD (traga seu próprio dispositivo), a Apple chega a 5% de mercado, atrás apenas da Samsung (17,7%) e da Nokia (23,8%).