Patricia Fusaro, diretora da IBM, e Ayrton Pinto Ramos, diretor técnico do Sebrae-RS. Foto: Divulgação.

O Sebrae-RS, por meio de uma parceria com a IBM, lançou o projeto Encadeamento Produtivo. A iniciativa tem o objetivo de capacitar e oferecer suporte às micro e pequenas empresas, proporcionando tecnologias de computação em nuvem, mobilidade, internet das coisas, entre outros recursos.

No início do projeto, 20 empreendimentos serão selecionados para participar da iniciativa. Ainda há vagas abertas para a participação de empresas. As atividades terão início em janeiro de 2016 e duração de um ano e meio. 

“O público são empresas de TI que estejam abertas a desenvolver novas soluções, já que o projeto tem este ponto com um dos resultados que queremos alcançar. Para isso, vamos trabalhar com tecnologias e tendências de mobile, cloud e internet das coisas”, explica Débora Chagas, coordenadora estadual do Programa de TI e Startups do Sebrae-RS.

De acordo com a diretora de Operações e Transformação da IBM, Patricia Fusaro, o objetivo é que o Projeto Encadeamento Produtivo tenha outras edições locais e que também seja replicado para outros Estados.

“Nós procuramos o Sebrae Nacional porque sabemos que eles são referência quando o assunto é micro e pequenas empresas. Juntos, a IBM com suas tecnologias, e o Sebrae-RS, com seu conhecimento, vamos conseguir ajudar a levar mais inovação para essas empresas”, ressalta Patrícia. 

Pr meio de cursos, capacitações e mentorias, serão desenvolvidas três vertentes para o projeto: gestão, com o Sebrae; tecnologia, com as aplicações globais da IBM; e mercado, por meio das tradicionais rodadas de negócios, e visitas técnicas e apresentações aos possíveis clientes do mercado nacional. 

Mais informações para empresas podem ser obtidas pelo e-mail gustavops@sebrae-rs.com.br.