AUTOMAÇÃO

Sapura utiliza IoT em navios com Splunk

10/10/2019 11:25

Empresa de tecnologia é fornecedora da Econocom, que implantou o projeto.

A Sapura é uma empresa brasileira e possui seis navios de suporte. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Sapura está usando tecnologia de Internet das Coisas da Splunk para monitorar os seus barcos, que fazem a instalação e conexão de dutos flexíveis que interligam poços de petróleo a coletores e unidades de produção de óleo e gás. 

O projeto é da multinacional francesa Econocom, que afirma que o mesmo é pioneiro no segmento.

Contando com mil funcionários de 21 nacionalidades, a Sapura é uma empresa brasileira e possui seis navios de suporte. 

No projeto, a tecnologia de Internet das Coisas coleta, integra e exibe os dados dos equipamentos e das operações realizadas nos navios da companhia, que atuam a centenas de quilômetros da costa. 

As informações aparecem em tempo real, em um painel no escritório localizado no Rio de Janeiro. Além disso, a Sapura tem acesso mais rápido a cada dado das operações depois que os projetos são realizados.

Os dados são gerados por quase dez mil sensores instalados em equipamentos, imagens do sistema de câmeras dos navios e conteúdos de fontes como bancos de dados, planilhas e sensores, sendo transmitidos por meio de links de dados, via satélite.

“Tínhamos o desafio de migrar a infraestrutura para a nuvem e precisávamos do apoio de pessoas especialistas no desenvolvimento de um sistema mais amigável, diminuindo a necessidade de treinamento nos navios”, explica Jorge Kort, Gerente de IT da Sapura.

“Com um sistema de alertas e a organização do tráfego, a Sapura passou a ter maior controle sobre a rede, utilizando de forma mais racional os recursos da banda”, aponta Alex Camargo, diretor de Projetos & Consultoria na Econocom.

A Econocom está presente no Brasil desde 2009. Hoje com um time de 400 profissionais no país, trabalha com soluções de uma série de fornecedores, incluindo a própria Riverbed, além de nomes como Cisco/AppDynamics, Delphix e Splunk.

No projeto para a Sapura, as necessidades de integração de sistemas e simplificação dos processos são feitas por consultores especializados em Splunk.

A Splunk é uma empresa americana com capital aberto na Nasdaq e um faturamento na casa dos US$ 1,3 bilhão. Além da tecnologia de IoT, oferece serviços de IT, segurança e business analytics.

Veja também

CARREIRA
Rosano Moraes de volta na Econocom

Executivo estava na Riverbed, que deixou de ter presença direta no país.

LIDERANÇA
Econocom tem novo CEO

André Pedrosa deixa a liderança da operação mas continua como um dos sócios da empresa no Brasil.

CARREIRA
Ex-Neoway lidera P&D da Apura

Rodrigo Montoro liderará os esforços de melhoria e desenvolvimento de novos produtos.

AI
Planetun analisa pedidos de seguro com Watson

Ferramenta, rodando em IBM Cloud, verifica se fotos enviadas por usuários são utilizáveis.

FUTURO
WEG: mais uma compra foca Indústria 4.0

É a segunda aquisição da gigante catarinense de motores no mês. 

ATENDIMENTO
Finep destina R$ 200 milhões para Indústria 4.0

O Inovacred 4.0 possibilita o financiamento para empresas com faturamento anual de até R$ 300 milhões.

RUCKUS
CommScope e Cesupa tem laboratório de IoT

Além da unidade de Belém, a empresa espera abrir mais três laboratórios no Brasil até o final de 2020.

CHIPS
HT Micron vai implementar S/4HANA com Meta

Novo sistema deve ajudar HT em uma nova fase, com um portfólio mais diverso.

SAP NOW
Conheça as soluções de supply chain dentro do SAP ERP e IoT da GIB

5 razões para visitar o estande da GIB B20 e Energy Lounge 2 no SAP NOW em São Paulo.