CCDI está usando iPads no canteiro de obra. Foto: ndoeljindoel/Shutterstock.com

A Camargo Corrêa Desenvolvimento Imobiliário (CCDI) é a primeira empresa a adotar o BIM 360 Field no Brasil. A solução na nuvem permite a organização dos processos no canteiro de obras. 

A adoção faz parte do Sistema Integrado de Gestão de Projetos da construtora, que começou a ser desenvolvido em março do ano passado e contou com R$ 2 milhões em investimento.

O valor foi utilizado para desenvolvimento e aquisição de softwares e treinamentos.

O projeto inclui o uso BIM 360 Field e outras ferramentas da Autodesk (Revit, Naviswork, Vant, Buzzaw), além de softwares da Verano (Primavera, para gerenciamento de projetos; Primavera Contract Management e Hard Dollar, para custos). 

Hoje, segundo Luiz Augusto Pereira, diretor de Engenharia e Sistemas de Gestão da CCDI, todos os softwares estão instalados e em funcionamento, e a partir do final do ano será feita a integração entre as ferramentas. A informações também serão integradas com o ERP da SAP utilizado pela empresa.

O BIM 360 Field é um software de gestão de campo para ambientes 2D e 3D que combina as tecnologias móveis no canteiro de obras com a colaboração em nuvem. 

Ele funciona a partir do BIM, tecnologia que possibilita a realização de projetos concomitantes, abrangendo desenvolvimento de arquitetura, estrutura e instalações. O sistema permite prever o modelo inicial do projeto em 3D, organizar o gerenciamento de materiais pelo setor de compras e a gestão e execução do cronograma. 

"Já estamos utilizando iPads no canteiro de obra e a adaptação tem sido muito rápida. Com esse projeto, o objetivo é melhorar a integração entre escritório e obra, agilizar a troca de informações, reduzir o consumo de papel e ganhar produtividade”, relata Pereira.

Segundo a Autodesk, atualmente 24% das empresas de construção utilizam BIM.

A Camargo Corrêa Desenvolvimento Imobiliário faz parte do grupo Camargo Corrêa, holding de capital fechado sediada em São Paulo que atua nos segmentos de concessões de energia, concessões de transporte, vestuário, calçados, entre outros.

A CCDI está no mercado há 10 anos e já entregou 51 empreendimentos.

* Júlia Merker viajou a São Paulo para o Autodesk University a convite da Autodesk.