Alunos da PUC-Rio. Foto: Divulgação.

A PUC-Rio fez uma mudança na sua oferta de cursos universitários da área de tecnologia, eliminando a oferta de Sistemas de Informação e reformulando o curso de Ciências da Computação, agora oferecido em diferentes “sabores”.

Segundo os professores Noemi Rodriguez e Ivan Mathias Filho, do Departamento de Informática do CTC/PUC-Rio, o curso de Sistemas de Informação era mais alinhado à TI, com um foco mais administrativo e de gerência de projetos. 

Já o de Ciência da Computação tinha um currículo mais acadêmico, fortemente ligado à matemática. 

“Havia uma migração muito grande entre Sistemas da Informação e Ciência da Computação”, resume Noemi, destacando que agora todos os alunos ingressarão em Ciência da Computação e escolherão perfis a partir do quinto período.

As opções incluem desde técnicas avançadas de desenvolvimento de software, na teoria que fundamenta a área de Computação, ou em uma composição de assuntos que atenda a interesses pessoais.

O novo curso inclui ainda dez disciplinas eletivas, aproximadamente 25% do total de créditos obrigatórios.

As opções incluem Ciência de Dados, Segurança da Informação, Computabilidade, Análise Numérica, Inteligência Artificial e Computação Gráfica, além de áreas como Empreendedorismo, Matemática, Engenharia ou Administração.

A formação obrigatória, que agora será de 36 disciplinas, abrange áreas como programação, lógica, matemática discreta, bancos de dados, análise de algoritmos, linguagens formais e sistemas de computação.

 “Pegamos todas as áreas sugeridas nestes currículos de referência, que preveem flexibilidade de acordo com o perfil da instituição. Para definirmos o núcleo de obrigatórias, fizemos um questionário entre os professores para ver quais campos cada um considerava essenciais para o curso”, revela Noemi. 

Os alunos de graduação que já concluíram 60% dos créditos poderão ainda cursar matérias do mestrado, que poderão ser contabilizadas futuramente na pós-graduação, permitindo que o mestrado possa ser concluído em um espaço de tempo mais curto.