João Rezende. Foto: divulgação

A Anatel deverá criar um ranking estadual de qualidade das operadoras de telefonia móvel.

Quem anunciou a iniciativa foi o presidente da agência, João Rezende.

Segundo o diretor, a lista deve ser publicada até o fim do ano no site do órgão regulador para que todos os consumidores possam escolher a companhia mais bem avaliada em seu estado na aquisição de uma nova linha de celular.

“Vamos colocar na internet o ranking das melhores operadoras. A imagem das companhias, às vezes, é mais importante do que uma multa pesada e queremos mostrar qual empresa está realmente comprometida com a melhoria dos serviços”, afirmou Rezende.

Em reunião no Congresso nacional, o presidente da Anatel também defendeu a intensificação do uso do compartilhamento de dutos e torres por parte das companhias.

“As empresas devem disputar o cliente no varejo, mas a infraestrutura deve ser compartilhada”, falou o presidente.

O setor de telefonia móvel faturou R$ 80 bilhões em 2011 e cobrou investimentos maiores que os R$ 21 bilhões de 2011.

Recentemente a Anatel promoveu várias ações de pressão sobre as operadoras, com a proibição de vendas para três delas – TIM, Claro e Oi –, numa medida que afetou uma operadora por estado, atingindo todas as unidades federativas brasileiras.