Tamanho da fonte: -A+A

A Thomson Reuters comprará a FX Alliance, multinacional que opera uma plataforma de câmbio, por cerca de US$ 625 milhões em dinheiro.

No negócio, serão oferecidos US$ 22 por ação da FXall, um prêmio de quase 40% sobre o fechamento de sexta-feira, 06, de US$ 15,70.

A Thomson Reuters, que fornece notícias e informações para profissionais dos mercados financeiro, legal, contábil e médico, espera fechar o negócio no terceiro trimestre.

O Barclays está trabalhando como conselheiro da Thomson Reuters, enquanto o JP Morgan está fazendo esse papel para a Fxall.

Recentemente, a Thomson tem investido em várias aquisições.

No Brasil, além da catarinense Conceito W, adquirida em setembro do ano passado, a empresa já encampou a área de software da paulista Alliance, especializada em soluções para a área fiscal, além da Mastersaf, em outubro do ano passado.

Em novembro de 2011, foi a vez da gaúcha Tedesco, especializada em TI para departamentos jurídicos corporativos e escritórios de advocacia.

A última aquisição foi da consultoria paulista da área tributária FiscoSoft, em março de 2012. Nenhuma das transações teve os valores divulgados.