FIBRA ÓPTICA

MCTI: R$ 1 bi em Amazônia Conectada

08/04/2016 09:55

Um cabo de fibra óptica de 242,5 km foi lançado entre os municípios de Coari e Tefé.

Um cabo de fibra óptica de 242,5 km foi lançado entre os municípios de Coari e Tefé. Foto: Divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

Um cabo de fibra óptica de 242,5 quilômetros de extensão foi lançado em março entre os municípios de Coari e Tefé, no Amazonas, para levar o acesso à internet ao interior da Amazônia. 

A ação faz parte do projeto Amazônia Conectada, do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), que conta com investimento de R$ 1 bilhão.

Atualmente, os municípios de Coari e Tefé são atendidos por internet via satélite, uma vez que a rede de fibra óptica atende apenas Manaus. Com a chegada do programa Amazônia Conectada, a expectativa é que 144 mil pessoas das duas cidades sejam beneficiadas com a nova infraestrutura.

O cabo subfluvial de 390 toneladas ligando Coari a Tefé faz parte da infovia do rio Solimões, uma das cinco que serão construídas pelo governo federal pelos leitos dos rios amazônicos. 

A próxima fase do Amazônia Conectada vai estender a infovia do Solimões de Tefé a Tabatinga, um trecho de 942 quilômetros.

Somando todas as infovias, são mais de 9 mil quilômetros de fibra óptica para implantação de cabos subfluviais nos rios Negro, Solimões, Madeira, Purus e Juruá, interligando 52 municípios até 2017. 

O Amazônia Conectada vai levar conectividade, direta ou indiretamente, para mais de 160 instituições de ensino e pesquisa da região.

"O programa vai permitir a inclusão da comunidade de ensino e pesquisa da região Norte em um espaço de colaboração científica nacional e internacional. Além disso, as universidades desempenham o papel de fixar recursos no interior e promover o desenvolvimento regional", avalia Antônio Carlos Nunes, diretor-adjunto de gestão de soluções da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), organização social vinculada ao MCTI.

O programa Amazônica Conectada foi lançado em julho de 2015 pelos ministérios da Ciência, Tecnologia e Inovação, Defesa e Comunicações e tem a participação da RNP.

Veja também

INTERNET
Amapá tem banda larga por fibra óptica

O estado erá o único no Brasil ainda não atendido em fibra óptica.

AMÉRICA DO SUL
Telebras e Silica: acordo para fibra óptica

A Silica Networks possui uma rede de mais de 7 mil km na Argentina e Chile.

INOVAÇÃO
Embrapii investe R$ 100 mi em 7 unidades

O processo seletivo teve início em agosto e recebeu 57 propostas no valor total de R$ 1,08 bilhão.

GOVERNO
MCTI sofre corte de R$ 1 bilhão

Com o novo corte, o MCTI fica com orçamento de R$ 3,2 bilhões para este ano.