Diogo Rossato, presidente do CETI-RS. Foto: Divulgação.

Diogo Rossato, presidente do Seprorgs, sindicato de empresas de TI do Rio Grande do Sul, assumiu também o  CETI-RS, conselho de entidades de TI do estado, nesta quarta-feira, 08.

O empresário substitui Letícia Batistela, que assumiu a presidência no ano passado, enquanto era presidente da Assespro-RS, uma entidade empresarial de TI do Rio Grande do Sul.

Os mandatos do CETI são de um ano, exercidos em rotação pelas principais entidades de TI do estado.

“Queremos mobilizar e engajar as associações para buscar ainda mais resultados”, aponta Rossato, destacando o “know how sólido” do Seprorgs em questões legislativas e tributárias.

O presidente do Seprorgs também coloca entre as prioridades a aproximação com a esfera pública, citando especialmente Porto Alegre, onde o novo prefeito Nelson Marchezan (PSDB) se elegeu com um discurso com bastante ênfase em adoção de tecnologia.

“A ideia é incentivar o uso da tecnologia para gestão, automação e melhoria dos serviços públicos por meio de parcerias público-privadas”, avalia Rossato.

O CETI foi fundado em 2004 por entidades como Seprorgs, Assespro-RS, Internetsul, Sucesu-RS e Softsul, entre outras, com objetivo de servir como uma plataforma de articulação dos interesses das diferentes organizações participantes.