Divulgação, Johan Larsson/Flickr

A Evernote, empresa americana de cloud que na semana passada recebeu investimentos de US$ 70 milhões e foi avaliada em US$ 1 bilhão, já está gastando o aporte. Eles acabam de comprar o app Penultimate, que permite a escrita cursiva (à mão livre) no iPad.

O valor da compra não foi divulgado.

Segundo o CEO do Evernote, Phil Libin, a aquisição permitirá que o Evernote expanda suas capacidades de escrita à mão e irá levar o Penultimate a mais plataformas e dispositivos.

“A escrita à mão digital já existe há décadas, mas nunca foi muito popular porque o hardware e o software simplesmente não estavam alinhados. Graças ao Penultimate e ao iPad,  tudo isso está mudando”, diz Libin.

O Penultimate foi idealizado para se assemelhar a um bloco de notas físico. Os usuários podem usar um dedo ou a caneta para tomar notas onde quiserem.

O aplicativo permite que as pessoas escolham entre uma variedade de tipos de papel, cores de tinta e espessuras de linha.

As notas tomadas no app podem ser salvas diretamente no Evernote com um único toque.

O Penultimate está disponível por US$ 0,99 na iTunes App Store.

A Evernote desenvolve um aplicativo que coloca diversos tipos de conteúdos – como imagens, áudios, textos, links, postagens em redes sociais – na internet, sendo um tipo de bloco de notas virtual.