Feito picolé! Foto: divulgação

Colocar um celular Android no congelador pode permitir que sus dados bloqueados sejam extraídos. A peculiar pesquisa foi feita por pesquisadores alemães de segurança da informação.

Conforme matéria do jornal O Globo, o objetivo dos especialistas da universidade Friedrich-Alexander foi obter provas em telefones bloqueados por senha durante investigações criminais de peritos forenses.

Para conseguir o desbloqueio, os estudiosos inseriram um smartphone Galaxy Nexus por uma hora ao congelador de uma geladeira comum, até que ele atingisse temperatura inferior a 10 graus negativos.

A ação ajuda a deixar a deixar lento o processo de esvaziamento das informações temporárias da memória RAM do aparelho.

Em seguida, a equipe deu um “boot” no aparelho pelo método manual, desconectando a bateria por menos de um segundo e pressionando simultaneamente o botão de ligar e as teclas de volume.

De acordo com os pesquisadores, o procedimento torna o celular vulnerável ao burlar uma barreira de segurança introduzida pela versão 4.0 do Android, no fim de 2011.

Com um software próprio foi possível acessar o sistema através de um computador. O código permitiu, então, que os estudiosos tivessem acesso a dados como lista de contatos, fotos e histórico de navegação.

Em seu blog oficial, o método foi detalhadamente relatado. Os pesquisadores também disponibilizaram o programa para download.