Equipe da Tecnicon e da CFJL.

A Tecnicon, empresa de ERP com sede em Horizontina, uma pequena cidade de 20 mil habitantes no noroeste gaúcho, a 500 quilômetros de Porto Alegre, está bancando formação profissional em TI para jovens da região.

O programa Geração T, realizado em parceria com o Centro Tecnológico Frederico Jorge Logemann, iniciou em 2016 e já está na sua terceira edição. 

O curso é uma peneira: 228 jovens se candidataram para a primeira turma, da qual 17 foram selecionados e nove concluíram o curso no final de outubro. Todos estão trabalhando na Tecnicon. 

80% já estavam atuando na empresa a partir do 6º mês do curso, como estagiários e depois evoluindo para contratos CLT. 

Outros 20 começaram o curso no ano passado e outros 20 devem começar na próxima turma, em fevereiro de 2019.

"O projeto gera oportunidade para jovens e adultos que desejam construir carreira no setor, suprindo uma necessidade não só da empresa, mas também do mercado. Além da formação técnica, o programa também proporciona um ambiente de trabalho mais colaborativo, promovendo uma intensa troca de conhecimento entre toda a equipe", explica Joice Butzke Rex, sócia-diretora da Tecnicon.

A carga horária do curso é de 1,2 mil horas, sendo 200 de estágio. O aluno aprende sistemas operacionais, Redes de computadores, Sistemas operacionais de servidores (Windows e Linux), Análise de Sistemas, Banco de Dados, Programação Lógica e Java), Gerenciamento de Projetos, Estatística e Desenvolvimento Web (HTML, CSS e Java Script). 

A carga maior é destinada a programação, através de disciplinas como Algoritmos e Programação, Java Essencial e OO, Java Desktop e JDBC, Java Web e Java Script.

A Tecnicon tem presença em todo o país e foi eleita por três anos consecutivos (2015, 2016 e 2017) uma das Melhores Empresas para Trabalhar em Tecnologia da Informação do Brasil e do Rio Grande do Sul, segundo o Instituto Great Place to Work.

O CFJL é uma escola da Rede Sinodal de Educação, com 83 anos de atividade.