APAGÃO

TCE-AM tem mega problema na TI

05/10/2017 08:53

Uma falha apagou 80% dos cerca de 20 mil processos de aposentadoria em trâmite na instituição.

TCE-AM convocou a imprensa para dar explicações. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

Uma falha na TI do Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM) apagou acidentalmente 80% dos cerca de 20 mil processos de aposentadoria em trâmite na instituição.

Além disso, dados dos gestores da capital e dos 61 municípios do Amazonas, além de atrapalhar os processos de prestações de contas de mais de 300 órgãos públicos.

O problema, ocorrido há 38 dias, gerou uma investigação interna no TCE-AM cujos resultados foram divulgados na imprensa amazonense nesta terça-feira, 03.

Segundo relata o jornal A Crítica, os problemas nos sistemas e-Contas e Spede foram causadas pela execução indevida de um script que afetou o banco de dados PostgreSQL do TCE-AM.

O autor da barbeiragem foi um funcionário cedido pela Prodam, estatal de processamento de dados do Amazonas, que já foi exonerado das funções. 

Além do autor do script também foram punidos um outro funcionário, responsável pelo backup, e o diretor de TI, que foi substituído. 

A matéria do A Crítica não revela o que acontecerá com o colaborador da Prodam quando ele volte para a estatal. Os dois funcionários concursados do TCE-AM responderão administrativamente na Corregedoria do órgão.

O conselheiro presidente do TCE-AM, Ari Moutinho Júnior, disse que o custo da recuperação dos dados, no total de R$ 33 mil, será bancado pelos funcionários.

“Nós não toleramos a imprudência e o excesso de confiança, que geraram preocupação momentânea na população do estado do Amazonas”, afirma Moutinho Júnior.

Foram contratadas quatro empresas especializadas:  Bot Recuperação de Dados, 4 Linux e CBL.

A expectativa é que o e-Contas e o Spede voltem às atividades normalmente na semana que vem. Até o momento, 62% dos processos já foram plenamente recuperados e os outros 38% estão em fase de recuperação.

Os gestores públicos que ficaram sem comunicação através dos sistemas terão os prazos processuais dilatados.

Também foi anunciado que a o TCE-AM começará a fazer backup dos seus arquivos na nuvem da Prodam.

O incidente é ainda mais embaraçoso porque os tribunais de contas tem entre suas atribuições fazer auditorias na área de TI nos órgãos públicos. 

Veja também

COMUNICAÇÃO
TCE-RS renova telefonia com InfraTI

A organização substituiu uma plataforma antiga baseada em PABX.

EXCLUSIVO
Troca de comando na TI do TJ-RS

Luis Felipe Schneider ocupou o cargo de diretor de TI nos últimos oito anos.

COMUNICAÇÃO
Serpro troca Expresso por Zimbra

O novo Serpro Mail manterá a possibilidade de ser contratado sem licitação.

ACCENTURE
Sabesp adota SAP Hana

A empresa substituiu os antigos sistemas legados, baseados em mainframe da década de 70.

NUVEM
Dataprev e Serpro: novos cloud brokers?

A ideia é oferecer computação em nuvem a partir dos data center das empresa e também de um fornecedor privado.

CORREIO
Dataprev vai vender Outlook

Estatais de TI estão se reposicionando para seguirem atendendo o governo.

SAP
RH Bahia finaliza 2ª onda até janeiro

Com a nova implantação, realizada pela Resource, o projeto vai atingir 150 mil servidores em 53 órgãos.

FUNCIONALISMO
Procergs entra em greve

Os grevistas pedem um reajuste de 7,3% nos salários e nos benefícios.