Loja da rede Drogasil. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

Em um ano de uso da ferramenta Retail Intelligence, da catarinense NeoGrid, a Droga Raia, rede de varejo farmacêutico controlada pela Raia Drogasil, reduziu em 62% seus índices de ruptura de estoque em produtos de um fabricante do portfólio.

Conforme Anderson Moreira, gerente de Gestão de Estoque da Raia Drogasil, antes da solução, 67% dos produtos desta marca tinham pelo menos uma ruptura de estoque nos Centros de Distribuição da farmacêutica.

“Um ano depois, o percentual era de apenas 5%”, comemora ele.

A solução, que funciona em plataforma web, gera relatórios estruturados, permitindo a criação de arquivos e disponibilização de indicadores relevantes para a análise de negócios.

Além disso, na Drogasil permitiu a criação da ferramenta de Identificação de Estoque Virtual, que monitora falhas de estoque, como a inexistência de produto na loja enquanto o sistema indica o contrário.

A ferramenta também identifica e sinaliza o comportamento inadequado de algum produto - como o baixo giro.

“A verificação é feita semanalmente em cada loja. Anteriormente, ela ocorria semestralmente, o que gerava queda nas vendas de itens pendentes e de outros produtos que os acompanham na cesta de compras”, conta o gerente.

Criada em novembro de 2011, a Raia Drogasil reúne as redes de farmácias Droga Raia e Drogasil, que estão presentes em nove estados brasileiros e representam mais de 78% mercado varejista nacional, com 776 lojas.

Conforme Moreira, trata-se da maior rede de drogarias do Brasil em receita, com faturamento de R$ 4,7 bilhões em 2011.

Já a NeoGrid conta com sistemas instalados em 200 mil empresas de todo o mundo.

Com presença em 34 países, a empersa desenvolve soluções de Supply & Demand Chain, acumulando um crescimento de 160% nos últimos 4 anos.