Panvel. Site: divulgação.

A Dimed contratou 12 jovens aprendizes para sua área de help desk.

Os jovens terão acesso a 800 horas de aula, divididas em 60% com conteúdo de desenvolvimento pessoal e o restante de ensinos técnico em áreas como sistemas operacional, manutenção de hardware e práticas de atendimento em call center.

A formação iniciou em março e deve encerrar no final do ano. Cada um recebe uma bolsa de R$ 367 por mês, com a possibilidade de ser contratado no final do curso.

Além da bolsa-auxílio mensal, os contratados receberão vale-transporte e cartão de descontos nas farmácias Panvel.

A contratação de 5% de jovens aprendizes por empresas com mais de 100 funcionários é uma exigência da CLT, que não costuma ser seguida em empresas da área de TI ou muito fiscalizada pelo Ministério do Trabalho.

O ciclo treinamento-trabalho pode durar até dois anos, durante os quais o empregador paga a metade do piso da categoria e tem direito a demissão sem aviso prévio ou indenização.

Os jovens atualmente na Dimed já haviam passado por um curso de capacitação do Projeto Pescar bancada pela Ruá Sistemas, PBI Informática e Colégio Dom Bosco.