RH

Votorantim realiza processos seletivos com Gupy

04/12/2020 12:03

Ferramenta de inteligência artificial exclui características como gênero, cor e orientação sexual.

Foto: Leonardo Rodrigues/ divulgação Votorantim Cimentos.

Tamanho da fonte: -A+A

A Votorantim Cimentos, empresa do setor de materiais de construção, utiliza as soluções da Gupy, startup de recrutamento, seleção e admissão via inteligência artificial, para realizar seus processos seletivos.

Através da Gaia, inteligência artificial da Gupy, a empresa se baseia exclusivamente em características e fatores objetivos para calcular o score de aderência do candidato à vaga. Entre eles, estão missão, valores, capacidades técnicas, qualificação profissional e habilidades. 

Outras informações que não afetam diretamente o desempenho no mercado de trabalho, como orientação sexual, raça, cor, gênero, religião e local de origem, não são utilizadas na plataforma.

Na questão do gênero, por exemplo, a plataforma é capaz de diminuir vieses pelo design da tecnologia, pois analisa as palavras pelo seu radical, como exemplo: engenheir-, gestor-, enfermeir-, operador- de caixa.

Assim, o recrutador recebe os candidatos melhores colocados nos quesitos mais importantes da vaga, sendo eles homens ou mulheres. 

A partir desta neutralidade proposta para seus clientes, a Gupy registrou mais de 16,2 mil mulheres e 16 mil homens contratados entre maio e setembro deste ano.

Em um dos processos seletivos, a Votorantim realizou o seu primeiro programa de estágio exclusivo para mulheres, com o objetivo de ampliar a presença feminina nas operações de suas fábricas.

O programa selecionou 20 estudantes de cursos técnicos com formação prevista após junho de 2020. Elas estão atuando nas áreas de manutenção, produção, mineração, qualidade e processos nas unidades da empresa localizadas em nove estados e no Distrito Federal. 

“Nosso compromisso é utilizar a tecnologia a serviço da equidade para que assim possamos promover reflexões e comportamentos mais justos, mudando o padrão de recrutamento, seleção e contratação no país”, afirma Mariana Dias, CEO e cofundadora da Gupy.

Segundo pesquisa da McKinsey, na maior parte dos países pesquisados, mais de 90% das empresas possuem um quadro de colaboradores que não reflete a composição demográfica do mercado de trabalho ou da população do país.

A Gupy também lançou um novo teste de perfil comportamental, que vai auxiliar os recrutadores na avaliação dos profissionais por fatores comportamentais, mentalidade de crescimento e nível de perseverança. 

Eles terão acesso a uma nova interface com arquitetura de informações que, de acordo com a startup, facilita a análise dos candidatos. Por fim, poderão avaliar candidatos em grupos funcionais, como tecnologia, vendas, marketing e estruturais, como alta liderança e média liderança, por exemplo.

Já para os candidatos, o novo teste contará com um feedback exclusivo com o resultado contendo informações como pontos fortes e habilidades que podem ser melhor desenvolvidas. 

Fundada em 2015, a Gupy já teve mais de 40 milhões de aplicações em vagas pela plataforma, prometendo contratações 60% mais rápidas. Entre seus clientes, estão empresas como Ambev, GPA, Sicredi, Vivo, Cielo e Renner.

Só em 2020, a startup realizou processos seletivos para mais de 176 mil vagas de emprego fechadas pela plataforma.

Fundada em 1933, a Votorantim Cimentos faz parte da Votorantim S.A. e está presente em 11 países, com quase 12 mil empregados. No Brasil, a empresa obteve uma receita líquida de R$ 6,8 bilhões em 2019, alta de 4% em relação ao ano anterior.

Além do cimento, a Votorantim S.A possui um portfólio com operações nos setores de metais e mineração, siderurgia, energia, suco de laranja e financeiro. A companhia está presente em 19 países, localizados em cinco continentes diferentes.

Veja também

MÃO DE OBRA
BriviaDez vai formar cientistas de dados

Agência pretende capacitar 40 profissionais por ano. Programa está com inscrições abertas.

CARREIRA
Lojas Renner tem 40 vagas em TI

Varejista busca profissionais em áreas como dados, análise de sistemas e segurança da informação.

CONTRATAÇÃO
Wayra tem novo head de parcerias

Com mais de 17 anos de carreira, Guilherme Amorim já atuou em empresas com Softex e Brasscom.

DEMANDA
Grupo Dimed capacita mão de obra com Viaflow

Formação para profissionais de TI está com inscrições abertas no Rio Grande do Sul e em São Paulo.

CRISE
Endeavor: scale-ups podem fechar

De acordo com entidades, startups tem capital para aguentar entre dois e quatro meses.

CAPITAL
Gupy levanta mais R$ 40 milhões

Oria Capital aposta que companhia pode liderar o segmento de RHtechs no Brasil.

CONTRATAÇÃO
Ex-MadeiraMadeira é novo CTO da Intera

Com 20 anos de carreira, Juliano Tebinka também atuou em empresas como HSBC e Softinova.

DRONES
XMobots investe R$ 4,75 milhões em nova fábrica

Planta industrial implantada em Itajubá, Minas Gerais, deve iniciar operações em julho de 2021.

CARREIRA
Faculdade iv2 inova na formação de desenvolvedores

Instituição de ensino conhece na prática as necessidades do mercado de trabalho.

CHANCE
Meta busca trainees para o Canadá

Os selecionados vão ajudar na tarefa de desenvolver a operação canadense da empresa.