Pão de Açúcar quer reunir todo tipo de itens em seu marketplace. Foto: reprodução.

O Grupo Pão de Açúcar abriu esta semana o Extra Marketplace, uma iniciativa de vendas para reunir em um único e-commerce as ofertas de diferentes lojas ligadas à rede do grupo.

O investimento inicial em marketing e tecnologia da plataforma ultrapassa os R$ 10 milhões, segundo informações da Computerworld.

De acordo com a empresa, o marketplace beneficiará clientes que procuram ampla variedade de produtos de diferentes marcas em um mesmo local, incluindo lojas de departamento e também ofertas de alimentos dos hipermercados.

Na abertura, a plataforma conta com 24 lojas parceiras, com produtos em categorias como moda, eletroeletrônicos, esportes, beleza, bebês, automotivo, relógios, casa e construção, utilidades domésticas, entre outras.

A novidade permitiu que o Extra dobrasse o portfólio de produtos com relação ao atual: são mais de 200 mil itens, com previsão de atingir meio milhão até o fim de 2013.

A iniciativa, semelhante ao trabalho realizado nos Estados Unidos por empresas como a Amazon, faz parte de uma estratégia multiformato do Extra. A plataforma foi desenvolvida pela empresa de e-commerce do grupo, a Nova Pontocom.

“O lançamento do Extra Marketplace atende à tendência, cada vez mais consistente, de comportamento multicanal em que o consumidor busca solucionar suas necessidades de compra em diferentes canais”, pondera José Roberto Tambasco, presidente de varejo alimentar do grupo Pão de Açúcar.

O Extra ficará encarregada de gerir as lojas que integrarão o Marketplace, acompanhando a qualidade do serviço das parceiras, incluindo a plataforma tecnológica e o atendimentos.

Além disso, a logística de entrega será de responsabilidade de cada lojista. Interessados em vender produtos no Extra Marketplace devem entrar em contato com a empresa nesta página.