Christian Gebara. Foto: divulgação.

Em um ano de mudanças em sua estrutura administrativa, marcada principalmente pela absorsão dos negócios referentes à compra da GVT, a Vivo anunciou mudanças em seu quadro executivo, com a criação de novos cargos e unidades de negócios.

A empresa criou a Vice-Presidência Executiva de Marketing e Vendas, que será ocupada por Christian Gebara, que assume como Chief Revenue Officer (CRO) da empresa no Brasil. Anteriormente ele era responsável pela área de negócios móveis da Telefônica Vivo.

O cargo compreende a liderança sobre as unidades de negócio móvel e fixa, pessoa física e jurídica. Segundo a operadora, a mudança reflete o foco da companhia no crescimento rentável das operações no País e no aumento de competitividade em um mercado cada vez mais convergente.

O novo CRO passa a liderar áreas como marketing, produtos, canais digitais, marca, inovação e Big Data, além de toda a força de vendas direta e indireta no País.

“A nova estrutura, definida agilmente após integração com a recém-adquirida GVT, consolida a Telefônica Vivo como a mais preparada para oferecer produtos e serviços convergentes em todo o Brasil, priorizando a qualidade e experiência do usuário”, afirma Christian Gebara.

Na sua experiência dentro da Telefônica, Gebara integrou projetos como o processo de integração operacional e das marcas Telefônica e Vivo; o lançamento e expansão de cobertura com redes 4G a 140 municípios brasileiros.

No período, a marca Vivo atingiu o valor de US$ 2,6 bilhões – consolidando-se entre as 10 marcas mais valiosas do Brasil.

O executivo é graduado em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas de São Paulo e com MBA pela Graduate School of Business da Universidade de Stanford. Atua no Grupo Telefonica desde 2006, tendo ocupado posições na Telefónica Espanha e Telefónica América Latina. Antes disso, acumulou passagens por McKinsey & Company (Espanha), JP Morgan Chase (EUA), Banco ABC Brasil e Citibank, no Brasil.