Myrtna Kumov,

A Siemens PLM acaba de lançar no Brasil o seu programa para startups, que oferece um ano da licença premium grátis para cada engenheiro ou projetista do software de design 3D Solid Edge.

Podem participar companhias formalizadas nos últimos três anos, com receita anual inferior a US$ 1 milhão e que tenham recebido investimentos menores a US$ 1 milhão.

Ao final de um ano, o beneficiário pode reaplicar ao programa. Se ainda cumprir os termos e condições, a concessão pode ser renovada. 

"Queremos fomentar a transformação digital no país e investir em startups é um passo fundamental, pois são essas empresas que ditarão o rumo das inovações nos próximos anos", explica Myrtna Kumov, gerente responsável pelo portfólio Solid Edge da Siemens PLM Software. 

De acordo com Myrtna, o suporte é oferecido pela rede de revendas. O Brasil é o único país da América Latina incluído no programa, lançado em 2016 e até agora concentrado na Europa, Estados Unidos e alguns países como Japão, China e Israel.

O valor de venda aproximado do software oferecido pela Siemens PLM é de US$ 3,940, o que é um investimento significativo para uma startup em fase inicial.