A quinta edição de Brasil em Código acontece no dia 30 de junho. Foto: microvector/Shutterstock.

Em 30 de junho deste ano São Paulo recebe a quinta edição de Brasil em Código, conferência internacional promovida pela Associação Brasileira de Automação (GS1 Brasil), que debate tendências em automação, tecnologias e novas formas de gestão nos segmentos de logística, indústria, saúde e varejo. 

Especialistas, executivos e decisores de diversos setores da economia, além de representantes de órgãos governamentais, discutirão o contexto da automação na atual conjuntura do país. O tema do evento será “A linguagem universal da rentabilidade”.

O encontro reúne aproximadamente 400 pessoas e, neste ano, a novidade fica por conta dos vários painéis segmentados por temas, que proporcionam nova dinâmica. 

“Cada painel terá um moderador que fará uma série de perguntas para os participantes debaterem”, explica João Carlos de Oliveira, presidente da Associação Brasileira de Automação. 

De acordo com Oliveira, os temas dos painéis refletem questões-chave para as empresas, como redução de custos, melhorias na gestão de estoques, aumento das vendas e a busca pela perfeita experiência de compra do consumidor.

Com uma variedade maior de temas, a expectativa da entidade é que o público se identifique com os assuntos abordados.

O painel sobre varejo, por exemplo, abordará temas que envolvem experiência de compras do consumidor, métricas para melhorar a experiência do omnichannel, novas tecnologias aplicadas ao setor e importância da implantação de tecnologia de identificação por radiofrequência (RFID) para driblar a concorrência.

Já no painel que envolve os segmentos de agricultura, indústria e logística, estão previstas discussões sobre as mudanças de processos para produtores e fabricantes e os avanços na rastreabilidade, que refletem a realidade brasileira frente a outros países no mundo. 

No debate sobre o setor de saúde, a ideia é tratar de assuntos como a automação e os impactos da implantação da tecnologia da RFID na indústria farmacêutica, além do combate à falsificação de medicamentos.

As inscrições para o evento estão abertas no site da GS1