João Francisco dos Santos. Foto: divulgação.

A Cianet, empresa de Florianópolis especializada em soluções de banda larga e conectividade, encerrou 2012 a todo o vapor: cresceu 75% sobre 2011, faturou R$ 21 milhões e se consolidou como melhor desempenho da carteira nacional e maior investimento já feito pelo Criatec, fundo do Bndes e Banco do Nordeste.

Conforme o presidente da empresa, João Francisco dos Santos, a meta para 2013 é se expandir 60%,e para isso as bases já estão montadas.

“Melhoramos a gestão e a governança corporativa, além de investir em treinamento da equipe e ampliar o portfólio, em uma estratégia para ser a empresa que melhor entende o segmento de provedores de internet, com foco também em operadoras de telecom e de TV por assinatura”, ressalta Santos.

Reinaldo Almeida Coelho, um dos gestores do fundo Criatec que atua diretamente com a companhia catarinense, avalia a trajetória da Cianet, que em 2012 cresceu mais do que o próprio mercado de banda larga fixa no Brasil, cuja expansão foi de 16%, indicam dados da Telebrasil.

“Fizemos duas rodadas de aporte na empresa, totalizando R$ 4 milhões. E o desempenho é impressionante: em 2007, quando foi inicialmente avaliada, a Cianet faturava na casa dos R$ 3 milhões. Hoje, são mais de R$ 20 milhões”, analisa Coelho.

Por regra, o Criatec investe um limite máximo de R$ 5 milhões em cada empresa.

O gestor do fundo não fala em valores, mas afirma que a companhia de Florianópolis tem possibilidade de levar mais aportes, ou seja: pode ser que mais R$ 1 milhão esteja para se somar às ações de expansão da Cianet.

Ações que o presidente da organização catarinense já tem bem definidas.

Conforme Santos, 2013 será um ano de foco em serviços, software e governo.

“Temos como meta ampliar os investimentos nos segmentos de consultoria e desenvolvimento de projetos customizados para clientes de médio e grande porte, além de uma plataforma de IPTV”, afirma o executivo.

Os planos de evolução da companhia, que tem cerca de 80 colaboradores e mais de 1,8 mil clientes em todo o Brasil, também passam por parcerias, como a que firmou no fim do ano passado com a taiwanesa Comba Telecom, provedora multinacional de soluções de aperfeiçoamento wireless.

Aliadas, as empresas oferecem a provedores de Internet opções de financiamento na aquisição de soluções e equipamentos das duas marcas, o que inclui ferramentas de aumento de banda, TV por assinatura, telefonia e até mesmo IPTV.